Em qualquer atividade física, fazer a escolha de vestimenta adequada é decisivo tanto para o desempenho quanto para o conforto. Por isso, muitos atletas optam por roupas dry fit.

Trata-se de tecido sintético, composto por poliéster, poliamida e elastano. A combinação desses fios permite que ele seja mais flexível, leve, confortável e adequado para facilitar a respiração da pele. 

Abaixo, explicamos o que é dry fit e sete vantagens desse tipo de camisetas, quando comparadas a outras opções. Vamos lá?

1. São muito leves e confortáveis

Quando falamos em dry fit, estamos nos referindo a um tipo de microfibra, ou seja, tecido com fios menores que dez micrômetros. Isso porque em sua composição são combinados materiais como poliéster, poliamida e elastano.

Para ser considerado uma microfibra, é necessário que o tecido tenha menos de 1 denier, medida de densidade que equivale a 0,11 mg/m. Para se ter uma ideia, um fio de cabelo humano tem 20 denier, ou seja, é pelo menos vinte vezes mais denso.

Isso faz com que o material dry fit seja o melhor tecido para uniforme esportivo, pois é leve e confortável e pode influenciar diretamente na performance durante a prática de exercícios físicos.

2. Auxiliam no controle da temperatura corporal

Durante os esportes, é normal que você transpire, uma reação causada pelo corpo para resfriar sua temperatura. Mas, ao utilizar camisetas de tecidos comuns como algodão ou malha, esse suor passa para a roupa e não seca com facilidade, aumentando a superfície de troca de calor com o ambiente.

A principal consequência disso é o resfriamento rápido do corpo, conhecido como hipotermia, e que pode gerar alterações mentais, diminuição da performance motora e até problemas relacionados a pressão arterial e respiração.

Nos tecidos dry fit isso não ocorre, graças a um efeito conhecido como capilaridade. Assim que o tecido absorve o suor, ele expulsa o líquido por meio de furos muito pequenos em sua superfície. 

Dessa forma, a roupa auxilia para o isolamento térmico do corpo, mantendo-o quente e trocando apenas a quantidade necessária de calor com o ar.

O tecido dry fit serve como isolante térmico durante a prática de exercícios.

3. Evaporam o suor facilmente

Outro benefício da capilaridade é a rápida evaporação do suor. Como já dito, esse efeito causado pela tecnologia do dry fit expele o líquido da superfície da roupa, impedindo que ela fique encharcada.

Dessa forma, você ganha mais aerodinâmica e liberdade nos movimentos e evita odores causados pelo suor e possíveis ferimentos ocasionados pelo atrito entre a pele e a roupa molhada.

4. São flexíveis

A movimentação corporal faz parte da prática de esportes, e o tecido das roupas do atleta pode influenciar diretamente na sua performance. Se você utiliza vestimenta feita de um tecido inapropriado, pode ter seus movimentos limitados e, consequentemente, um rendimento menor.

Como já citado, os tecidos dry fit são feitos de poliéster, elastano e poliamida, fios sintéticos muito finos e que têm como característica a elasticidade, minimizando o desconforto e contribuindo para uma boa execução.

5. São práticas de limpar

As roupas dry fit são feitas de um tecido de fácil limpeza e que seca muito rapidamente. Esse fator oferece praticidade ao atleta, que pode até utilizar a mesma vestimenta por dois dias seguidos.

Esse fator pode ser bastante útil durante excursões para pesca esportiva, por exemplo. Após um dia inteiro de pescaria, basta uma lavagem rápida para utilizar as mesmas roupas no dia seguinte.

As roupas dry fit são muito úteis para excursões de pesca esportiva.

6. Têm ótima durabilidade

Entre os benefícios de tecidos sintéticos como dry fit está a resistência. Essas camisetas costumam ter um excelente custo-benefício, durando por muito tempo, mesmo com a utilização constante.

Para aumentar ainda mais sua conservação, lave as roupas feitas desse tecido separadamente em água fria, evite torcê-lo para que não perca sua elasticidade e deixe secar em superfícies planas.

7. Protegem do sol

Atualmente, como muitos atletas praticam esportes debaixo do sol, há uma série de camisetas dry fit que oferecem proteção contra os raios ultravioletas, prevenindo queimaduras, insolação e até câncer de pele.

Uma dica é procurar por vestuário com proteção fator +50, que significa que, para que seja causada uma queimadura de sol, é preciso 50 vezes mais tempo que o comum. 

São muitas vantagens, né? Mas as camisetas dry fit também exigem alguns cuidados especiais. Por se tratar de um material sintético, o dry fit pode derreter se submetido a temperaturas muito altas. Por isso, esse tipo de tecido não deve ser passado a ferro ou ficar próximo a fontes de calor.

Também é importante evitar o uso de alvejantes e amaciantes durante a lavagem de suas camisetas dry fit. As substâncias químicas contidas nesses produtos podem reagir com o material dos fios e estragar as peças. O ideal mesmo é fazer a lavagem à mão, usando apenas água e sabão. 

Durante a lavagem, a roupa deve estar virada do avesso, junto com outras de cores similares. A secagem deve ser à sombra. E um detalhe: lavagem a seco nem pensar. Isso vai garantir maior durabilidade para suas roupas.

Gostou de conhecer as vantagens de se usar camisetas dry fit? Se quiser boas opções desse tipo de peça, visite o site da Quisty: tem muita coisa legal lá, especialmente para quem curte atividades ao ar livre. Clique no banner abaixo para conferir!